Conheça os principais tipos de backup para sua empresa

Existem vários tipos de backup, mas será que você sabe qual é o ideal para a sua empresa? Confira aqui!

30/11/2018 às 10:35

Um temporal inesperado, um assalto ou uma falha no disco rígido. De repente, os dados da sua empresa são danificados de forma irrecuperável. Conhecer e implantar alguns dos principais tipos de backup é uma das melhores soluções para se proteger de acidentes desse tipo. E assim garantir o pleno funcionamento da empresa.

Fazer a cópia dos arquivos mais importantes do seu negócio é fundamental para uma boa gestão de dados. Os ataques de hackers para captura de informações sigilosas ou sensíveis das empresas é cada dia mais comum. Por isso, ter uma boa política de segurança de dados é praticamente requisito obrigatório.

Para apresentar os detalhes a respeito dos tipos de backup e explicar as vantagens desse procedimento para o pequeno e médio empresário, conversamos com James Lanning, consultor da Information Security Forum, uma organização focada na segurança de dados empresariais. Continue a leitura e veja como agir nesse momento.

Rotinas de backup protegem sua empresa

Você consegue medir o impacto que a perda de dados importantes teria na sua empresa? Para Lanning, negligenciar esse risco pode ter sérias consequências. “A escolha entre fazer backup regularmente ou não pode ser a diferença entre a vida e a morte para a empresa de pequeno porte”, salienta. “No mundo dos negócios, perder dados significa perder dinheiro e desperdiçar recursos. O que é especialmente nocivo para quem está começando”.

Servidor Local e em Nuvem

Além disso, ele lembra que a simples sensação de segurança pode ser benéfica para quem investiu dinheiro do próprio bolso na empresa. E tem tantos problemas com os quais se preocupar no dia a dia. “Saber que as informações e os dados críticos para o funcionamento do negócio estão a salvo pode garantir paz de espírito ao proprietário”, aponta.

Conheça os vários tipos de backup.

Backup permite proteger os dados da empresa contra falhas de software ou hardware.

Entre os principais riscos para a segurança dos dados da sua empresa, é possível apontar:

  • Erros humanos;
  • Ataques virtuais;
  • Falhas técnicas (software ou hardware)
  • Acidentes (incêndios, alagamentos, etc.)
  • Assaltos.

Avanço da tecnologia tornou os backups mais acessíveis

Para Lenning, investir em backups está mais fácil e barato do que nunca. Ele explica que a realidade do setor mudou de duas formas significativas nos últimos anos. “Em primeiro lugar, o armazenamento de dados tornou-se mais barato. Com o preço baixo, é possível fornecer recursos de armazenamento em tamanhos que seriam inimagináveis há dez anos”, explica.

Em segundo lugar, o especialista aponta que os avanços tecnológicos da internet revolucionaram a estrutura do mercado. “A proliferação da conexão de internet de banda larga transformou o backup em um procedimento automático e em tempo real, além de torná-lo mais acessível para os pequenos empresários. Tudo isso seria impensável no passado”, avalia.

Danos causados pela falta de backup

Caso o armazenamento correto de dados não seja uma prioridade, alguns problemas podem tirar o sono dos gestores da empresa e ter sérias consequências na administração do negócio. Além dos prejuízos financeiros, que são inevitáveis numa eventual suspensão das atividades, a perda de informações importantes pode causar cancelamento de contratos e até mesmo arruinar a reputação do empreendimento no mercado.

Principais tipos de backup

Falando de forma simplificada, existem três principais tipos de backup:

Backup Completo

O backup completo, também conhecido como backup normal, copia e armazena todos os itens selecionados pelo usuário e os marca como arquivos que passaram por backup. Em geral, é o primeiro backup ao qual os sistemas são submetidos.

Backup Diferencial

O backup diferencial tem a função de copiar arquivos criados ou alterados desde o último backup completo ou incremental, mas não marca os itens como arquivos que passaram por backup. Para restaurar, é necessário o último backup diferencial e o último backup normal.

Backup Incremental

O backup incremental copia os arquivos criados ou alterados desde o último backup normal ou incremental, e os marca como arquivos que passaram por backup. Assim, a restauração é feita com o último conjunto de backup normal e de todos os conjuntos de backups incrementais. É o mais rápido entre os tipos de backup, mas recuperar os dados pode demorar.

Por fim, o especialista lembra que todas as empresas que armazenam dados em computadores deveriam se preocupar com os riscos e investir em rotinas de backup, pois ninguém está livre do problema.

Para esclarecer a importância do processo e definir a melhor frequência para os backups, Lanning recomenda projetar cenários negativos e calcular o tamanho do prejuízo em diferentes períodos de tempo. Dessa forma, é possível trabalhar com a melhor relação de custo-benefício.

Gostou da notícia?

Veja mais sobre
InternetSegurança
campo obrigátório

Cadastro efetuado com sucesso!

Em breve você receberá os melhores conteúdos para ajudar a gerenciar, expandir ou inovar o seu negócio