5 sinais de que seus talentos podem sair da empresa

Saiba como identificar se algum dos seus colaboradores planeja sair da empresa. Depois, saiba como mantê-los no time!

21/02/2019 às 9:00

Todo empresário sabe o quanto é difícil encontrar bons profissionais para integrar as diferentes áreas da companhia. Quando um talento é levado para a equipe, o melhor é valorizá-lo para garantir que ele permaneça na empresa o maior tempo possível. Por isso, é importante que o gestor faça análises periódicas do comportamento de todo o time para detectar se todos estão satisfeitos ou se há algum tipo de problema. Afinal, qualquer insatisfação pode levar alguém a querer sair da empresa.

Fique de olho para saber se algum profissional quer sair da empresa.

Alguns tipos de comportamento podem ser sinais de insatisfação profissional.

Mas como isso acontece na prática? Um funcionário começa a dar sinais, mesmo que involuntários, quando não está contente com o trabalho. Pode reparar. Isso acontece e, se detectado no momento correto, é possível corrigir a situação antes de perdê-lo. E nós te mostramos a seguir quais são esses indicadores e que tipo de atitude você pode tomar para reverter cada um deles. Vamos lá!

5 – Queda no envolvimento

Um talento nato se engaja nas atividades de uma maneira exemplar. E você vai perceber isso logo no início. Aliás, é exatamente aqui que está o ponto de atenção. Aquele colaborador bastante envolvido que passou a ter um comportamento mais distante, menos empolgado com as tarefas. Ele pode estar insatisfeito com algo.

Como resolver o problema: para evitar que esse profissional queira sair da empresa, o papel do gestor é ter uma conversa bastante aberta. Pergunte se algo está errado, identifique as causas do desânimo e tente propor soluções. Aliás, é fundamental que você dê liberdade para que a pessoa exponha as críticas. Uma conversa autoritária pode fazer a sua estratégia ir por água abaixo.

Tente descobrir se o colaborador quer sair da empresa.

Converse abertamente com o colaborador para evitar que ele queira sair da empresa.

Depois de detectar os problemas, proponha soluções reais para ele (nada de empurrar a história com a barriga). Por exemplo: se um colaborador está há meses sem receber aumento e esse é o motivo da insatisfação, veja uma porcentagem que não irá comprometer o orçamento da empresa. Aliás, pense no prejuízo que você terá se ele for embora. Vale a pena investir em profissionais competentes.

4 – Individualismo

Ligue o alerta vermelho se aquele funcionário que sempre trabalhou bem em equipe começar a querer fazer tudo sozinho. É um indício de que ele está insatisfeito. Ou então que deseja mostrar trabalho por algum motivo,  o que pode prejudicar o desempenho e a harmonia da equipe.

5 sinais de quem seus talentos podem sair da empresa.

O individualismo é um sinal negativo. Fique de olho.

Como resolver o problema: mais uma vez, a boa conversa é essencial. Lembre-se: dê abertura para que ele possa falar tranquilamente sobre as insatisfações. Outra forma de fazê-lo voltar a pensar coletivamente é propor atividades em grupo, conversas semanais com toda a equipe e bônus sempre que as metas sejam batidas. Assim, todos se ajudam para garantir a conquista dos objetivos.

3 – Desmotivação: sinônimo de querer sair da empresa

Você detectou que algum membro da equipe está desmotivado? Pode ser um sinal de insatisfação. E tal postura afeta diretamente a produtividade, o relacionamento com os colegas e até mesmo a postura em reuniões ou em outras situações importantes.

5 sinais de quem seus talentos podem sair da empresa.

Um colaborador desmotivado pode estar querendo sair da empresa.

Como resolver o problema: além de conversar para compreender o que está acontecendo, uma boa dica é promover palestras sobre a área de atuação. Veja em sua rede de contatos se você conhece alguém que pode te ajudar nisso. Então, convide esse profissional para falar sobre motivação, percalços na carreira e superação. Com certeza, ter um bom exemplo de sucesso dá aquele “gás” que faltava para desempenhar muitas atividades.

2 – Sem vontade de expressar ideias e dúvidas

Se um colaborador chegou à equipe radiante e hoje quase já não se expressa, algo certamente está errado. Em qualquer time, é essencial ter conversa e abrir sempre espaço para comentários e sugestões. Essa troca de conhecimento e vivências é sempre muito rica em qualquer rotina de trabalho.

5 sinais de quem seus talentos podem sair da empresa.

Quem não tem vontade de participar, pode estar totalmente desmotivado no trabalho.

Como resolver o problema: pode ser uma questão pessoal e não profissional. As pessoas têm fases em que estão mais introspectivas. Por isso, aqui é essencial ter uma conversa aberta com o profissional. Pergunte honestamente. Diga que você detectou que ele não está mais participando como antes e pergunte os motivos. A partir do retorno que tiver, você poderá tomar as atitudes mais adequadas.

Se for um problema pessoal, uma dica é encaminhá-lo para uma psicóloga ou algum profissional que poderá ajudar nesse sentido. Caso seja algo do trabalho mesmo, entenda a causa e, durante as conversas, pergunte sempre a opinião desse colaborador. Mostre que você está interessado em saber e que o conhecimento dele é essencial para a companhia.

1 – Queda na produtividade

Todo grande talento pode passar por fases ruins. Inclusive, a queda de produtividade é um grande indicador de que algo está errado. Dessa forma, a equipe inteira pode ser influenciada, mesmo que involuntariamente, e o profissional tende a ficar cada vez mais desmotivado.

5 sinais de quem seus talentos podem sair da empresa.

Mostre para o colaborador que ele é decisivo para a equipe!

Como resolver o problema: além da conversa honesta e direta, como mencionamos nos tópicos anteriores, é importante valorizar esse profissional. Como? A oferta de cursos é um bom caminho. Faça parcerias com escolas para conseguir descontos.

Depois, ofereça uma formação para esse profissional. Diga que ele é um talento e que por isso você decidiu apostar na formação dele. Além disso, faça conversas semanais para verificar o andamento dos projetos.

Bom, agora que você já sabe os principais sinais, é fundamental estar sempre de olho para detectá-los e impedir que o pior aconteça: seus talentos deixem a empresa! Lembre-se de que o gestor tem um papel decisivo! Aliás, ainda sobre o assunto, veja aqui algumas dicas de ouro sobre gestão de equipes. E continue no blog!

Gostou da notícia?

Veja mais sobre
EmpreendedorismoGestão
campo obrigátório

Cadastro efetuado com sucesso!

Em breve você receberá os melhores conteúdos para ajudar a gerenciar, expandir ou inovar o seu negócio