Conheça os prós e contras da moeda virtual como forma de pagamento

Será que é uma boa ideia aceitar moeda virtual como forma de pagamento no meu negócio?

30/11/2018 às 10:35

Atualmente, ainda é difícil encontrar estabelecimentos que aceitam algum tipo de moeda virtual na venda de seus produtos. Há quem diga que a tendência é que, a cada ano, aumente a adesão. Mas você sabe quais são as vantagens e desvantagens dessa modalidade?

O que são moedas virtuais

As moedas virtuais, também chamadas de moedas digitais ou criptomoedas, são nada mais do que dinheiro originado via algoritmos. Isto é, a moeda virtual é um código produzido por desenvolvedores e, apesar de não ser regularizada, é aceita em diversas transações e investimentos monetários.

Criptomoedas em circulação aumentam a cada ano

Entre as chamadas criptomoedas, isto é, aquelas protegidas por criptografia, a mais conhecida é o Bitcoin. Segundo o site CoinDesk, o número de transações envolvendo a moeda na primeira semana de 2015 foi de 96.890,43. Contra 6.123,00 no mesmo período em 2012. Os números, portanto, comprovam que muito mais pessoas estão utilizando a moeda virtual.

Se você está considerando aceitar pagamentos em bitcoins, confira, abaixo, os principais prós e contras desse meio de pagamento.

10 Tendências de Negócio para 2019

Vantagens de aceitar transações em moeda virtual

Quais vantagens e desvantagens da moeda virtual?

Moeda virtual é uma tendência e a sua adesão deve aumentar a cada ano.

Liberdade

Por ser uma moeda descentralizada, o Bitcoin proporciona uma maior liberdade e menos burocracia nas transações. Outra vantagem da moeda virtual não estar subordinada a uma instituição financeira ou governo é que, caso a economia de um país entre em colapso – ou até mesmo o sistema financeiro mundial -, o Bitcoin pode ficar ileso.

Clientes

Como ainda são poucos os negócios que aceitam pagamentos em bitcoins, boa parte dos usuários que possuem a moeda virtual a compram para investir, esperando uma valorização, e não para comprar produtos. Ser o pioneiro em determinado ramo a aceitar esse tipo de pagamento é, portanto, uma grande oportunidade de conquistar esse público. Sites como o CoinMap, SpendBitcoins, BitcoinSearchEngine e outros vão ajudar a divulgar o seu negócio a esses usuários.

Economia

A taxa média cobrada em uma transferência de bitcoins entre dois usuários é muito menor do que um banco cobra. Essa vantagem financeira também se aplica aos lojistas, que não precisarão pagar comissão para uma operação com cartão de crédito ou em intermediadores de vendas online como o PayPal. Fora isso, como a maioria dos governos não possui legislação sobre a moeda virtual, não é preciso declarar esse tipo de investimento.

Desvantagens da moeda virtual

Volatilidade

Como a moeda virtual não possui lastro e não está vinculada a nenhuma âncora, nada garante o seu valor. Assim, o Bitcoin fica permanentemente à deriva e não há como saber com precisão qual será a sua variação. Ou seja, se você não está disposto a correr riscos, não é uma boa.

Segurança

O fato do Bitcoin não ser regulado por nenhuma autoridade central em alguns casos é vantagem, mas em outros é justamente o contrário. Portanto, caso a sua carteira digital seja hackeada ou você sofra algum tipo de golpe na hora de receber o pagamento pelo produto, não há uma proteção legal para reaver o dinheiro perdido.

Complicado para adquirir

Os mais nerds vão contestar, mas o fato é que adquirir a moeda virtual não é assim tão simples para quem não é um heavy user de tecnologias. Primeiro, é preciso instalar um programa no computador ou usar um aplicativo da web. Então, deve ser criada uma carteira virtual e negociar diretamente com outros usuários a compra de moedas ou troca por produtos.

Gostou da notícia?

Veja mais sobre
Mercadovendas
campo obrigátório

Cadastro efetuado com sucesso!

Em breve você receberá os melhores conteúdos para ajudar a gerenciar, expandir ou inovar o seu negócio