End-to-end: 5 motivos para usá-lo no seu negócio

Sabia que acompanhar os processos da sua empresa de ponta a ponta ajuda a otimizar os resultados? Veja como funciona o conceito de end-to-end!

22/05/2019 às 9:00

Neste artigo sobre end-to-end, você verá:

  • O que é o conceito de end-to-end.
  • Quais são as utilizações e as vantagens para as empresas.
  • Como implementar o conceito.
  • Como envolver toda a cadeia.

Em tradução livre, end-to-end significa “de ponta a ponta”. Mas por que este conceito vem se tornando cada vez mais popular entre as empresas? Para entender o motivo, primeiro é preciso compreender o que é end-to-end e quais os seus benefícios. De maneira simples, podemos dizer que, quando trabalhamos com a ideia de ponta a ponta em uma cadeia, conseguimos acompanhar cada etapa do processo de produção.

Dessa forma, cria-se um sistema que pode ser controlado e monitorado em sua totalidade. Isso começa desde a escolha de matéria-prima, passa pelas etapas de produção, transporte, venda e acaba no pós-venda. Ou seja, engloba fornecedores, clientes e parceiros. Assim, a companhia tem uma visão global de tudo o que acontece e pode tomar decisões melhores. Além disso, há mais solidez para corrigir e evitar falhas.

No entanto, aplicar o end-to-end é um processo complexo. É preciso alinhar todos os envolvidos às crenças e valores da empresa. Assim, você garante comprometimento, criando um grande ciclo colaborativo.

Vale ressaltar também que o conceito de end-to-end pode ser aplicado tanto em um contexto global quanto em um cenário mais específico. Você pode utilizá-lo, por exemplo, em uma área-chave da sua empresa, como trade marketing ou atendimento.

Assim, consegue monitorar as atividades de equipe em questão de ponta a ponta. Tal verificação ajudará a identificar os problemas e ainda dará uma base bastante sólida para possíveis tomadas de decisão.

End-to-end: 5 motivos para usá-lo no seu negócio.
É preciso alinhar todos os envolvidos às crenças e valores da empresa.

A seguir, no entanto, vamos abordar o conceito de maneira ampla, focada em um controle geral dos processos da cadeia. O objetivo é envolver parceiros e colaboradores, para que o trabalho aconteça de maneira integrada. Sendo assim, todos os players da sua cadeia (internos e externos, diretos ou indiretos) devem participar e compartilhar a mesma visão.

Razões para adotar o end-to-end

Utilizar o conceito de ponta a ponta para melhorar os processos das empresas tem se tornado mais popular a cada dia. Isso porque ele traz diversas facilidades que permitem enxergar o negócio como um todo e monitorar as etapas do sistema (mesmo em cadeias extremamente longas e complexas).

Dessa forma, o end-to-end pode oferecer várias soluções que vão ajudar o seu negócio a otimizar os resultados ou ainda aplicar alguma nova ideia. Mas como isso funciona na prática? Quais os desafios? Os motivos a seguir são bem convincentes para apostar no modelo:

5 – Custos

Para começar, o end-to-end ajuda a diminuir os custos. Ou seja, gera economia. Quem não gosta de economizar, mantendo ou melhorando a qualidade?

Isso porque os serviços passam a ser unificados. Assim, as informações são compartilhadas entre todos da empresa com mais precisão e qualidade. Tal procedimento reduz custos operacionais, além de diminuir o desperdício de recursos.

4 – Sem erros

O sistema único de ponta a ponta também facilita a identificação de erros, pois pequenas alterações poderão ser notadas rapidamente. Assim, você consegue ser mais ágil na resolução de problemas.

3 – Integração entre colaboradores e produtividade

De modo geral, o conceito end-to-end garante um trabalho mais dinâmico entre as equipes. Isso porque todas as informações estão integradas. Inclusive, o conceito também é capaz de gerar insights, melhorar a produtividade e, consequentemente, o lucro.

End-to-end: 5 motivos para usá-lo no seu negócio.
O conceito end-to-end garante um trabalho mais dinâmico entre as equipes.

2 – Operacional

O end-to-end possibilita uma melhora significativa na parte operacional. E o motivo é simples: todos os serviços estão integrados em uma única plataforma, desde a compra de matéria-prima até a entrega do produto final. Assim, os processos se tornam mais simples e os erros diminuem.

1 – Sustentabilidade 

Outra vantagem é a aplicação de práticas relacionadas à sustentabilidade, um assunto que gera grande preocupação e engajamento. Mas cuidado: criar uma cadeia sustentável é um processo delicado. Inclusive, precisa de total comprometimento de todas as pessoas envolvidas.

Por isso, é preciso ter uma fiscalização constante. Ou seja, você precisará verificar se o seu fornecedor, por exemplo, está adotando as medidas necessárias para se encaixar no novo objetivo da sua cadeia.

Mas como envolver toda a cadeia?

É importante conectar as pessoas para que elas tenham o mesmo ponto de vista. Esse é o grande desafio para a aplicação de qualquer cadeia end-to-end: garantir que os pensamentos estejam alinhados. Ou seja, fazer com que todos pensem da mesma forma e estejam comprometidos com o objetivo.

Inclusive, também é preciso engajar os consumidores. Como? Mostre e compartilhe as preocupações da sua empresa e os traga para o debate. Um exemplo prático: se a sustentabilidade está entre as suas preocupações, crie pontos de coleta para as embalagens dos seus produtos. Em seguida, divulgue essa ação e tente envolver seus clientes.

End-to-end: 5 motivos para usá-lo no seu negócio.
O desafio é garantir que os pensamentos estejam alinhados.

Inove nos processos

Um ponto importante para garantir o sucesso do end-to-end é investir em inovação. Existem programas e softwares que oferecem uma visão ampla e garantem um controle melhor da cadeia. Aliás, eles também permitem acompanhar o que acontece nos outros players de maneira bastante fácil. Assim, é possível fazer melhorias na gestão de estoque e no planejamento, por exemplo.

Existem empresas que ajudam na aplicação da gestão de ponta a ponta. Muitas delas oferecem serviços e plataformas que possibilitam esse monitoramento. Sendo assim, facilitam a gestão, a fluidez dos processos, a eficiência e a redução de custos.

Por fim, é importante relembrar que quem aplicar esse sistema terá uma melhor visão de como funciona toda a cadeia. Isso garante que falhas e problemas sejam identificados e resolvidos de maneira rápida, otimizando o processo.

Vantagens mais evidentes

Para tudo dar certo, no entanto, é preciso que todos os envolvidos se esforcem e caminhem juntos. Assim, as vantagens ficam mais evidentes. Por exemplo: é possível reduzir o desperdício, os custos e manter a equipe alinhada. Todos devem se esforçar para cumprir seus respectivos papéis dentro da cadeia.

Vale lembrar que faz parte do conceito de end-to-end a realização de análises constantes em busca de melhorias. Assim o conceito “de ponta a ponta” é reforçado. E o resultado disso? Uma estrutura ampla e integrada.

End-to-end: 5 motivos para usá-lo no seu negócio.
O conceito end-to-end gera uma melhor visão de como funciona toda a cadeia.

E aí, gostou de saber mais sobre o conceito de end-to-end? Certamente é uma boa ideia acompanhar todos os processos da empresa e envolver os seus colaboradores.

Aliás, a inovação é sempre bem-vinda, sobretudo para corrigir falhas. Por isso, aproveite para ler uma reportagem recente que fizemos sobre como a inovação ajuda a reduzir custos no dia a dia

Veja também boas ferramentas para armazenar os dados dos seus fornecedores. Até a próxima leitura!

Gostou da notícia?

Veja mais sobre
GestãoTendências
campo obrigátório

Cadastro efetuado com sucesso!

Em breve você receberá os melhores conteúdos para ajudar a gerenciar, expandir ou inovar o seu negócio