Saiba como fazer seu e-mail marketing alcançar mais clientes

O e-mail marketing é fundamental na estratégia da empresa. Veja aqui como fazer com que as suas mensagens cheguem para os clientes de um jeito assertivo.

12/12/2018 às 9:00

O e-mail marketing pode ser sim uma boa estratégia para atrair e fidelizar clientes. E há números que comprovam essa história. De acordo com o estudo “Relatório 2017 sobre consumo de e-mail”, feito pela Adobe, a cada 1 dólar investido nesse canal de comunicação, o retorno médio é de 38 dólares. Ou seja, prova de que é um bom caminho para aumentar o faturamento da empresa.

Ainda conforme a pesquisa, 91% dos profissionais consultados disseram que o e-mail ainda é a melhor forma de gerar receita. Isso porque as pessoas passam, em média, 6 horas por dia lendo as mensagens que chegam em suas caixas, o que é um bom indicador de que a ferramenta funciona.

Veja como fazer o e-mail marketing chegar a mais pessoas.

É possível fazer o e-mail marketing chegar a mais pessoas, de um jeito simples e eficaz.

No entanto, dos e-mails enviados, apenas 14% são abertos. Muitas vezes, as mensagens nem chegam às caixas principais das pessoas e acabam caindo no spam. Por isso, é importante se atentar à “entregabilidade” dos e-mails enviados. Aliás, existem maneiras de garantir que o conteúdo irá parar no lugar certo.

Quando você manda um e-mail, por exemplo, ele percorre um caminho: sai do seu servidor e vai até o servidor do cliente. Na “porta” de entrada há algumas validações que podem direcionar a mensagem para destinos diferentes. Existem duas possibilidades: o conteúdo ser barrado ou então liberado e enviado diretamente para a caixa de entrada (que é o nosso objetivo!). Por isso, é importante adotar algumas medidas para garantir o sucesso do envio. Listamos aqui as mais importantes!

Listas de e-mails: não compre!

Não caia na roubada de comprar listas de e-mail. Esse serviço, muitas vezes, contém endereços desatualizados e possui uma qualidade de cadastro duvidosa, o que faz com que os servidores identifiquem estes problemas e acabem barrando o recebimento das mensagens. Aliás, ninguém te garante que as pessoas que estão ali se interessam pelo seu conteúdo. O risco de você gastar dinheiro e energia à toa são grandes. Então, a melhor opção é construir o seu mailing.

Veja como fazer o e-mail marketing chegar a mais pessoas.

Nunca compre listas de transmissão, pois elas costumam não ser eficazes.

Faça isso com base na sua carteira de clientes, use o cadastro que você já tem. Se sua empresa ainda não cadastra seus clientes, é hora de começar. Como? Disponibilizar conteúdo exclusivo no site, como e-books e listas com promoções, são bons caminhos. Assim, você constrói a sua base de clientes de uma maneira certeira. Lembre-se: uma lista menor, mas com maior qualidade, é sempre mais eficaz, por isso não se preocupe se a base parece pequena.

Planeje o e-mail marketing

De nada adianta mandar um e-mail hoje e outro daqui a seis meses. É importante construir um planejamento das ações de marketing digital. Estabeleça uma periodicidade, sobretudo se for uma campanha. Assim, o cliente irá lembrar da sua empresa sempre. Por outro lado, evite mandar mensagens em excesso. Isso pode levar o usuário a pedir para não receber mais nada que você mandar. Bom senso é essencial nesse processo!

Veja como fazer o e-mail marketing chegar a mais pessoas.

Fazer um bom planejamento e segui-lo à risca é fundamental.

Então, reúna-se com as equipes responsáveis e crie um cronograma. Compartilhe com todas as áreas envolvidas e não se esqueça de cumpri-lo. Levar o planejamento estratégico a sério (e à risca) faz toda a diferença no resultado.

Configurar o SPF é essencial

Verifique junto à sua equipe de TI ou aos responsáveis pelos disparos se o SPF está configurado no seu domínio. Tal sigla quer dizer Sender Policy Framework. Trata-se de um sistema de validação que filtra as mensagens e avalia se serão direcionadas para a caixa de entrada ou não. Por isso, é fundamental configurá-lo.

Veja como fazer o e-mail marketing chegar a mais pessoas.

Configurar o SPF é essencial para garantir a “entregabilidade” do e-mail.

Para fazer, no entanto, é preciso ter algum conhecimento em linguagem html – e o procedimento muda de acordo com o servidor escolhido. Por isso, consulte algum profissional que saiba fazer a configuração.

Opt-in

Já ouviu falar em opt-in? Fazer e-mail marketing com opt-in quer dizer que você terá apenas listas de e-mail com permissão. Ou seja, só quem autorizou o recebimento irá ver o seu conteúdo. Você faz isso criando formulários no site da empresa, em páginas estratégicas.

Por exemplo: programe um pop-up enquanto o cliente estiver na página de descontos do seu site. A mensagem pode ser: “Cadastre aqui o seu e-mail para receber os novos descontos em primeira mão”. Com certeza será um atrativo para quem está em busca de economia.

Dê autonomia ao cliente

Por mais que possa parecer contraditório, um bom e-mail marketing deve ter um link, bem visível, para quem não deseja mais receber aquele tipo de conteúdo. Então, basta clicar nesse local e solicitar o “descadastro”, processo que acontece automaticamente.

Veja como fazer o e-mail marketing chegar a mais pessoas.

O cliente deve escolher se vai querer receber o conteúdo ou não.

Esse tipo de mensagem é essencial para o cliente ver que nada está sendo imposto. E que se a ideia for não receber mais aquele conteúdo, será simples cancelá-lo. Ter este link presente no conteúdo já aumenta a confiabilidade junto aos servidores.

Vá direto ao ponto

O assunto é uma das partes mais importantes de um e-mail marketing. Afinal, é a porta de entrada para a mensagem. Então, a chamada escolhida deve ser atrativa, gerar curiosidade, ter uma linguagem personalizada e dar indícios do conteúdo que está à espera.

Também é importante que seja sucinto. De acordo como o SenGrid, empresa especializada em marketing digital, três palavras são suficientes para atrair a atenção do leitor.

Veja como fazer o e-mail marketing chegar a mais pessoas.

O assunto deve ser o mais direto possível.

Além disso, é preciso tomar cuidado com alguns termos que não devem ser usados. O motivo é simples: alguns são classificados como maliciosos e podem fazer com que a mensagem vá direto para a caixa de spam. Veja, a seguir, as opções que devem ser evitadas.

  • Escondido
  • Quente
  • Renda extra
  • Dinheiro rápido
  • Pagamento imediato
  • Ligue agora
  • Bônus
  • Acesso gratuito
  • Trabalhar em casa
  • Comprar
  • Isso não é spam
  • Pedido de parceria
  • Tempo limitado
  • Me ajude
  • Veja isso
  • Oferta livre
  • Pago semanalmente
  • Gestão de fundos

Evite também escrever todo o texto em letras maiúsculas. Escolher as palavras certas e como usá-las na sua mensagem é ideal para o conteúdo alcançar as pessoas que deseja e, assim, dar resultados.

Empresa confiável

Você já contratou os profissionais responsáveis pelo envio dos e-mails? Saiba que é fundamental optar por empresas confiáveis e com uma boa reputação no mercado. Procure bastante antes de fechar negócio.

É essencial que essas companhias trabalham a partir de um IP com uma boa reputação. Aliás, essa característica influencia também a classificação do conteúdo como spam. Afinal, se for uma ferramenta confiável, certamente irá seguir todas as regras necessárias.

O conteúdo conta – e é decisivo!

Os consumidores também foram entrevistados para o levantamento da Adobe  – e 82% deles afirmou que já se inscreveu em sites de empresas para receber newsletters ou algo do gênero. No entanto, nem todos foram engajados pelos e-mails logo de cara. Ou seja, ter resultados positivos não depende apenas do envio. É preciso fazer um planejamento para garantir bons resultados. Caso contrário, a estratégia pode dar errado.

O conteúdo do e-mail é fundamental para garantir que o cliente leia a mensagem até o fim. Isso inclui não só o texto, mas também o design escolhido. E tudo deve estar em harmonia para prender a atenção de quem recebe o material. Inclusive, o levantamento da Adobe mostrou que o consumidor decide em apenas três segundos se irá ler ou então fechar o e-mail. Por isso, seu conteúdo precisa impactar logo de imediato.

Veja como fazer o e-mail marketing chegar a mais pessoas.

Escolher um bom conteúdo é essencial.

Dê preferência a pouco texto. De acordo com o estudo da Adobe, 28% das pessoas se incomodam com mensagens que exigem muito do scroll do mouse. Por isso, coloque apenas a mensagem mais importante, sempre em destaque. O design deve ser o mais leve possível, sem muitos elementos ou animações. Aliás, é importante que tanto o texto quanto a arte estejam de acordo com a identidade e o tom de voz da empresa.

Seja responsivo

Outro fator que fez o consumidor fechar o e-mail é o fato de não ser responsivo. Ou seja, que não se adapta em diferentes dispositivos, como tablets, celulares e computadores. Daí a importância de fazer um modelo que possa ser lido em qualquer local.

Veja como fazer o e-mail marketing chegar a mais pessoas.

É importante que o conteúdo seja responsivo. Ou seja, que possa ser acessado em diferentes dispositivos.

As fotos também contam. Ainda segundo o estudo da Adobe, 21% dos entrevistados disseram que não têm paciência para esperar as imagens carregarem. Então, nunca coloque arquivos muito pesados e que comprometam a leitura.

Além disso, 32% dos consultados afirmaram que não gostam de receber e-mails repetidos das marcas. Então, não envie muitas mensagens semelhantes e sem necessidade. Comunique apenas o que for preciso. E, depois, é só comemorar!

Aproveite para ler também uma reportagem que fizemos sobre o mobile marketing! E continue conosco aqui no Blog Vivo Empresas!

Gostou da notícia?

Veja mais sobre
InternetTecnologia
campo obrigátório

Cadastro efetuado com sucesso!

Em breve você receberá os melhores conteúdos para ajudar a gerenciar, expandir ou inovar o seu negócio