Tudo o que você precisa saber para começar um negócio

É preciso prever diversas questões para abrir uma empresa, como registros e conectividade. Confira todas aqui e planeje-se agora mesmo!

06/05/2019 às 9:00

Você precisa cumprir algumas exigências e pensar em diversos quesitos quando for abrir o seu negócio, como conectividade, documentos e registros. Neste artigo, você verá quais papéis precisa ter, onde tirá-los e o que deve ser planejado para garantir uma boa infraestrutura para a sua empresa. Trata-se de um guia com todos os passos essenciais para assegurar que tudo esteja adequado.

Uma coisa é certa: dar o pontapé inicial na empresa é algo que exige dedicação. Isso porque você precisará ir atrás de registros e também de uma boa infraestrutura para tal. Por isso, todos os processos devem ser feitos com planejamento e atenção.

Pessoas em um café trabalhando em seus computadores portáteis.
Abrir uma empresa é um processo que acontece em etapas.

Para te ajudar, trazemos aqui um guia do que deve ser feito nessa etapa inicial. E já adiantamos: você precisará prever diferentes gastos, deslocamentos e negociações. Por isso, é sempre importante fazer um bom planejamento. Mas no fim certamente tudo valerá a pena. Portanto, confira todas as fases!

1 – Tenha a certeza do que fazer

Essa dica é uma das mais importantes. Ela não está relacionada a documentos e registros, mas é essencial. Só abra uma empresa quando estiver certo de que é isso o que você deseja fazer. Ou seja, tenha tudo em mente: produtos, serviços, objetivos.

Imagem aproximada de mão esquerda digitando em um laptop e direita sobre mesa digitalizadora.
Só comece a sua empresa quando tiver a certeza do que deseja fazer e oferecer aos seus clientes.

Inclusive, fizemos uma matéria recentemente sobre as diferenças entre planejamento estratégico e plano de negócios. Vale conferir para se inspirar!

2 – Guarde o valor necessário

É preciso pagar um valor inicial pela abertura da empresa. No entanto, não há um custo fixo. A quantia depende do tipo do negócio e também da localização da sede (os custos variam de acordo com os estados).

Além disso, o que você deve saber nessa etapa, porém, é qual o tipo de empresa irá abrir. Te mostramos as opções a seguir:

  • EIRIELI: a sigla significa Empresa Individual de Responsabilidade Limitada. Para abri-la, é necessário ter um capital de pelo menos cem salários mínimos. Além disso, essa modalidade tem apenas um sócio. Inclusive, ele deve ter o patrimônio pessoal separado do da empresa. E não pode usar o seu nome (é necessário criar um específico para o negócio).
  • Empresa Individual: você pode ser o dono da empresa, mas não o sócio. O nome deve ser o mesmo do empresário (apenas há a necessidade de incluir um nome fantasia). Nessa modalidade, os bens do proprietário estão atrelados à companhia.
  • MEI: o Microempreendedor Individual é a modalidade mais fácil de abrir — e a mais barata também. No entanto, há restrições (você pode emitir apenas R$ 81 mil ao ano, por exemplo). Inclusive, recentemente fizemos uma matéria completa sobre o tema (clique aqui para ler).
  • Sociedade Simples: quando há dois ou mais sócios envolvidos e a responsabilidade de cada um é ilimitada. Ou seja, seus bens estarão associados à empresa. No entanto, também é possível optar pela Sociedade Simples Limitada, que restringe essa responsabilidade.
Conectividade e registros: confira tudo que você precisa para abrir um negócio.
Para começar uma empresa é necessário ter um valor inicial de investimento.

3 – Elabore um contrato

Uma empresa deve ter todos os registros e licenças necessários para funcionar tranquilamente, de acordo com a lei. E isso demanda uma série de etapas fundamentais. A primeira é a elaboração de um contrato social.

Tal documento mostra qual é a participação de cada sócio, quais serão as atividades prestadas e em qual regime tributário a empresa será enquadrada, entre outras características.

Com tudo certo, o contrato deve ser assinado por todos os envolvidos, além de ser reconhecido em um cartório, na presença de um advogado (com exceção de microempresas e empresas de pequeno porte).

Conectividade e registro: tudo que você precisa saber para abrir um negócio.
O contrato social é a primeira etapa formal da abertura da empresa.

Inclusive, você pode contratar um contador para te ajudar nesse e em todos os outros processos.

4 – Consulta prévia

É importante consultar previamente se é possível realizar a atividade que você deseja no local pretendido. Além disso, também é necessário verificar se o nome que você deseja dar à empresa está disponível para ser utilizado.

Esse procedimento pode ser feito online, no site Rede Sim, da Receita Federal. Primeiro você inclui o estado. Em seguida, o sistema te redirecionará para o órgão referente à localidade pretendida. Aliás, toda a consulta pode ser feita por esse caminho.

Conectividade e registros: tudo que você precisa saber antes de abrir um negócio.
Procedimento pode ser feito pelo site mantido pela Receita Federal.

5 – Registros importantes

Em seguida, você terá de garantir alguns números importantes. O primeiro passo é fazer um registro na Junta Comercial ou no Cartório de Pessoas Jurídicas. Há sedes em todos os estados do Brasil. Esse tipo de documento vem antes do CNPJ, exceto em casos de MEI, e é o pontapé inicial para a formalização.

Trata-se do registro da empresa. Após a finalização do processo, será emitido o Número de Identificação do Registro de Empresa (NIRE). Essa sequência é essencial para a emissão do CNPJ, que é o Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas.

O processo de registro do CNPJ é feito pelo sistema da Receita Federal online. Caso não tenha, será preciso fazer um cadastro no programa Brasil Cidadão, da Receita Federal, e depois seguir os passos indicados.

Conectividade e registros: tudo o que você precisa ara abrir um negócio.
Pedido do CNPJ também pode ser feito pelo site da Rede Sim.

Durante a solicitação do CNPJ, você deverá especificar a atividade que irá desempenhar. De acordo com o Sebrae, é essencial optar por uma principal e mais 14 secundárias.

Inscrição Estadual

Esse número será necessário apenas se a sua empresa atua na área de produção de bens ou então com vendas de mercadoria. Portanto, caso se enquadre em uma delas, é essencial procurar a Secretaria Estadual da Fazenda para obter esse registro.

A Inscrição Estadual é solicitada pela internet. No entanto, apenas um contador com os registros necessários pode fazer o pedido. Por isso, a importância de optar por um profissional que seja especialista no assunto.

Registro Municipal

Empresas que trabalham com prestação de serviços precisam de um Registro Municipal, que é emitido junto às prefeituras das cidades. Esse número costuma sair logo depois do registro na Junta Comercial, de modo automático. No entanto, isso pode variar de acordo com as cidades.

Por isso, você deve checar junto ao seu município para garantir que o procedimento seja realizado da maneira correta.

Alvará de localização e funcionamento

O empresário também precisa retirar o alvará de localização e funcionamento, que deve ser emitido junto à prefeitura da cidade. Em resumo, o papel desse documento é garantir que a sua empresa tenha plenas condições de funcionar e prestar serviços de qualidade ao público.

Duas mulheres conversando enquanto olham para o computador.
A empresa deve estar em plenas condições de funcionamento.

O processo varia de acordo com cada município, por isso é importante checar como funciona e quais documentos serão necessários.

Alvará dos bombeiros

Empresas alocadas em edificações específicas precisam de um alvará emitido pelo Corpo de Bombeiros. O documento se chama Alvará de Prevenção e Proteção Contra Incêndio (APPCI).

No entanto, a sua empresa só receberá tal documento depois de uma avaliação dos riscos da edificação. Ou seja, os bombeiros farão visitas ao local para atestar a confiabilidade do espaço.

Infraestrutura

Além de todos os registros e licenças, é fundamental prever a estrutura que você irá precisar. Para isso, é essencial pensar nas atividades que irá desempenhar. Por exemplo, em um café, você necessitará de um local em um ponto interessante e rentável, bons fornecedores, uma equipe qualificada e por aí vai.

A sede deve ser a primeira escolha. Você precisa saber em qual espaço vai trabalhar. A partir disso, poderá prever os serviços essenciais para qualquer empresa. A internet é um deles. Qualquer companhia — não importa o tamanho ou o setor — precisa garantir boa conectividade. Por isso, a importância de contratar um serviço de qualidade para evitar instabilidades.

Conectividade e registros: tudo o que você precisa saber para abrir um negócio.
É preciso prever diversos elementos para garantir uma boa infraestrutura. A conectividade é um deles.

Telefones fixos ou móveis também são essenciais. Afinal, garantir uma comunicação eficiente com fornecedores, colaboradores e clientes faz toda a diferença. Em alguns ramos, como vendas e serviços, ter um canal que possibilita as ligações é muito importante para otimizar os processos e viabilizar atendimentos.

Além disso, é preciso prever a quantidade de computadores, mobiliário que será necessário, sistemas de segurança e máquinas para o pagamento por cartão de crédito, entre outros quesitos fundamentais. Sendo assim, um planejamento nessa fase inicial é decisivo para garantir uma infraestrutura completa a preços mais acessíveis. Afinal, quem planeja consegue angariar (e encontrar) descontos.

Vivo Fibra: conectividade garantida

A Vivo oferece diversos planos para empresas que buscam uma conectividade segura e estável. As opções Vivo Fibra contam com vantagens imperdíveis, como ultravelocidade de 300 mega, técnicos no local em até quatro horas da abertura do chamado e acesso livre ao aplicativo Smart Wi-Fi.

O app é usado para monitorar tudo o que acontece na rede. Ou seja, verifica características como volume de acessos e velocidade de internet. Além disso, é possível usar a plataforma para driblar interferências e encontrar o melhor sinal do Wi-Fi da sua empresa. Aliás, todas essas funcionalidades de controle podem ser feitas pelo celular. Assim, a conectividade estará garantida!

Conectividade garantida: planos Vivo Fibra asseguram estabilidade e velocidade.
Conectividade garantida: planos Vivo Fibra asseguram estabilidade e velocidade.

Outra utilidade é criar redes específicas para visitantes e compartilhar a senha por WhatsApp ou SMS. Desta forma, a segurança está reforçada, uma vez que a conexão acontece separadamente!

Telefonia: comunicar é preciso

A Vivo também disponibiliza diferentes planos para telefonia fixa ou móvel. No segundo caso, há as opções Vivo Smart Empresas, com pacotes que possuem tudo o que você precisa para garantir uma boa comunicação com seus colaboradores, fornecedores ou clientes.

Aliás, ao contratar, você tem acesso a ligações ilimitadas para qualquer operadora do Brasil, velocidade 4G, SMS ilimitado para qualquer operadora, Vivo Bis (vantagem da Vivo que te permite usar, no mês seguinte, o volume de internet que sobrou do mês anterior), e Vivo Gestão, funcionalidade que possibilita um controle do consumo de voz das linhas contratadas.

Em suma, há diversas opções de plano para atender a diferentes necessidades. Acesse o site para saber como funciona e fazer a contratação imediatamente, tudo online.

Em relação aos serviços de telefonia fixa, há duas opções disponíveis atualmente: falar à vontade para todo o Brasil ou apenas para a sua cidade. Ambos têm ótima qualidade de sinal, o que facilita a comunicação com consumidores, fornecedores e parceiros. Visite a página para saber como funciona.

Tudo junto!

A Vivo dá descontos e vantagens para empresas que contratam mais de um serviço. Há combos que misturam telefonia fixa, móvel e internet. Em todos os casos, o valor fica mais em conta do que as contratações individuais.

Os planos são bastante democráticos! Acesse o site para conferir todas as opções disponíveis e aproveitar as ofertas.

Conectividade e registros: tudo o que você precisa saber para abrir um negócio.
Contratar todos os serviços em um só plano reduz os custos.

E aí, o que achou das nossas dicas para quem deseja abrir uma empresa? Certamente há muitas etapas para cumprir. E é importante seguir todos os passos para garantir conformidade com a lei. Além disso, você consegue planejar uma infraestrutura que esteja de acordo com os produtos e os serviços que irá oferecer, com conectividade e um espaço adequado.

Inclusive, fizemos uma reportagem recentemente sobre internet para empresas: quais são as melhores opções disponíveis e o que deve ser previsto para garantir conectividade. Portanto, clique aqui para saber mais sobre o tema.

Além disso, garantir segurança é essencial em todos os momentos, desde a abertura até o dia a dia de trabalho. Então, confira uma matéria que escrevemos sobre malware, uma ameaça que pode complicar a vida da sua empresa (saiba aqui como se proteger). Aliás, continue navegando pelo blog para ter acesso a mais conteúdos como esses!

Gostou da notícia?

campo obrigátório

Cadastro efetuado com sucesso!

Em breve você receberá os melhores conteúdos para ajudar a gerenciar, expandir ou inovar o seu negócio