Pesquisa de mercado: veja como fazer uma antes de começar o seu negócio

Aprenda a fazer uma pesquisa de mercado para entender melhor questões ligadas a seu público-alvo, área de atuação e lançamento de produtos.

02/01/2020 às 9:00

Uma pesquisa de mercado permite levantar dados importante para sua empresa. Por isso, é essencial usar o recurso, principalmente nas fases iniciais. A seguir, te contamos:

  • O que é uma pesquisa de mercado.
  • Quais são os tipos existentes.
  • Como fazer uma pesquisa.
  • Lista de vantagens de uma pesquisa de mercado.

Fazer uma pesquisa de mercado é essencial para qualquer negócio. Trata-se de uma estrutura bem sólida que te permite tomar as melhores decisões no início da jornada da sua empresa.

Esse tipo de levantamento de dados consiste em buscar informações para detectar quais são as melhores oportunidades de negócio ou se uma determinada área de atuação está em alta. Você consegue identificar por quais caminhos seguir a partir da análise do cenário que deseja pesquisar.

Realizar essa pesquisa é uma excelente ideia antes de dar início às suas operações. Isso porque você já consegue fazer escolhas relacionadas a pontos fundamentais para qualquer empresa, como aceitação do produto, preço e canais de divulgação.

Pesquisa de mercado: foto de cima, de um homem digitando em um computador, com um mouse e papéis ao lado.
Fazer uma pesquisa de mercado é fundamental para tomar decisões mais estruturadas.

É possível, então, avaliar o público e também o mercado em geral. A seguir, te contamos quais são os tipos de pesquisa de mercado mais utilizados.

Tipos de pesquisa de mercado

Vamos começar com a pesquisa de preço. Além de calcular os gastos e a média de lucro que você deseja, é importante verificar junto ao público se o valor proposto terá boa aceitação. Imagina fazer todo o trabalho e, quando chega na parte das vendas, você não tem retorno nenhum porque todo mundo acho muito caro?

Por isso, a pesquisa de mercado é essencial. Aliás, esse tipo geralmente é feito com uma amostra pré-definida do público. Você irá analisar se as pessoas estão dispostas a pagar por aquele valor ou mesmo por aquele produto.

Pesquisa de mercado: mulher digitando em um computador, com uma xícara ao lado.
Você pode avaliar itens como hábitos de consumo do público e interesse por produtos e serviços.

Outro tipo de pesquisa bastante utilizada, sobretudo por quem está no início, é a de aceitação do produto. Antes de lançar qualquer um no mercado, é importante verificar se as pessoas irão gostar e se é pertinente para elas. Inclusive, nessa etapa é possível detectar possíveis falhas e corrigi-las antes do lançamento.

Aliás, também é possível fazer uma pesquisa de mercado em relação à divulgação. Cheque com seus clientes em potencial em quais canais eles gostariam de ser abordados. Assim, você já sai na frente e consegue chegar onde eles estão. Suas ações de marketing serão muito mais certeiras.

A análise de concorrentes também é um tipo de pesquisa de mercado. Inclusive, é bastante recomendada na fase inicial da empresa. Você deve avaliar como seus concorrentes se comportam, como falam sobre os produtos, que tipo de atendimento oferecem e por aí vai. Considere, inclusive, comprar produtos para ver como eles atuam.

Certamente será uma base inicial de dados bastante rica para o seu negócio. Assim, você compreende melhor as movimentações antes de tomar as suas decisões.

Como fazer uma pesquisa de mercado?

As pesquisas são feitas a partir de um questionário, que pode ser distribuído pela internet ou meios físicos. Elaborá-lo exige grande dedicação e atenção. Por isso, antes de fazer as perguntas você deve ter os objetivos da pesquisa bem definidos.

Em seguida, especifique o público-alvo que deseja consultar. Por exemplo: se deseja testar a efetividade de um serviço, o melhor a se fazer é buscar clientes em potencial. Mas se a ideia é analisar uma metodologia de atendimento a fornecedores, daí o estudo deve ser feito diretamente com eles.

Depois dessa etapa, defina a amostra. Ou seja, quantas pessoas serão entrevistadas. Lembre-se de que uma amostra muito pequena pode não ser bastante efetiva. Dê preferência a grupos maiores de 50 pessoas. Assim, você consegue ter uma visão mais geral.

Com tudo definido, pense nas questões que são relevantes para a sua empresa. Liste tudo antes e redija com atenção. É importante que todas sejam claras e objetivas, o que facilita o entendimento e garante respostas mais genuínas.

Pesquisa de mercado: computador de mesa, com um gráfico na tela.
A análise dos dados é fundamental para validar a pesquisa.

Valide o questionário com outros colaboradores da sua equipe. Eles podem te ajudar a complementá-lo. A próxima etapa, então, é escolher o meio de distribuição do formulário. O mais utilizado é o Google Forms, principalmente pela sua praticidade e capacidade de compilar os dados de uma maneira simples e bastante didática.

Print da tela do Google forms, com um exemplo de como se fazer um questionário na plataforma.
O Google Forms é bastante utilizado nesses casos. Fonte: Google.

Afinal, depois de tudo você precisará analisar todos as informações obtidas. Então, quanto mais fácil de visualizar os dados, melhor.

Confira as vantagens

Você viu que fazer uma pesquisa de mercado dá um certo trabalho – afinal, são muitas etapas a serem cumpridas. No entanto, é muito benéfico para a empresa (e há diferentes motivos para isso). Abaixo, vamos listar as principais vantagens:

  • Você toma decisões mais assertivas.
  • Conhece melhor o seu público.
  • Lança produtos e serviços de acordo com as preferências do público.
  • Coloca preços mais justos e competitivos.
  • Entende como funciona o mercado, e com isso, fica de olho em todas as oportunidades.
  • Avalia se o seu negócio é interessante para o público que havia definido.
  • Consegue explorar novos nichos, com muito mais precisão e escolhas certeiras.

E aí, pronto(a) para fazer a sua pesquisa de mercado agora mesmo? Saiba que isso não é um privilégio de grandes empresas. Pequenas e médias também podem fazer, desde que se organizem e sigam todos os passos. Aliás, já que estamos falando sobre o tema, aproveitamos para compartilhar aqui com você um artigo que fizemos recentemente sobre como pequenas e médias empresas podem ser 4.0.

Ainda na pauta de pesquisas, saiba que elas continuam importantes depois que o negócio já estiver estruturado. Por isso, te ensinamos aqui como fazer uma boa pesquisa de satisfação.

No mais, agradecemos a sua companhia em mais essa leitura e contamos com você nas próximas. Continue navegando no blog!

Gostou da notícia?

campo obrigátório

Cadastro efetuado com sucesso!

Em breve você receberá os melhores conteúdos para ajudar a gerenciar, expandir ou inovar o seu negócio