Assunto do e-mail é determinante para eficácia de uma newsletter

Na hora de se comunicar com seu público, cada detalhe importa. E um desses detalhes cruciais é o assunto do e-mail em uma newsletter.

30/11/2018 às 10:35

No marketing digital, um recurso muito utilizado pelas empresas é a newsletter. Encaminhada por correio eletrônico para os clientes, ela comunica novidades como promoções e novos produtos a uma lista de contatos. Nessas mensagens, pensar com cuidado no assunto do e-mail é determinante para que ele seja aberto, e não descartado logo de cara.

O fato é que não adianta preparar uma newsletter atrativa se o cliente não abrir o corpo do e-mail, no qual o conteúdo está disponível. É por isso que, se o assunto do e-mail (o título, que o usuário lê antes de abri-lo) não for instigante e não despertar a curiosidade do destinatário, fica mais difícil ele ler o que você tem a dizer.

É no assunto do e-mail que a empresa deve instigar a curiosidade dos usuários. Foto: iStock, Getty Images

É no assunto do e-mail que a empresa deve instigar a curiosidade dos usuários. Foto: iStock, Getty Images

6 dicas para criar o assunto do e-mail

Quer melhorar o índice de abertura das newsletters que sua empresa envia? Desse modo, confira abaixo seis sugestões que vão ajudar a ficar cada vez melhor na criação do assunto do e-mail marketing.

1. Crie um assunto curto

Se você quer que os clientes abram o seu e-mail, então é melhor criar assuntos curtos. Segundo um estudo da MailChimp, o ideal é que ele contenha 50 caracteres ou menos, já que a maioria das pessoas confere rapidamente o assunto de cada mensagem para decidir se irá abrir ou descartar o conteúdo. Além disso, se a frase for muito comprida, poderá aparecer cortada na caixa de entrada.

2. Demonstre urgência

Além disso, um outro estudo da MailChimp, feito em 2013, aponta que os assuntos que demonstram urgência resultam em uma taxa de abertura maior. A pesquisa foi realizada com base em 24 bilhões de e-mails entregues. Que tal utilizar recursos como “somente hoje” e “última chance”? Pode ser um incentivo para que o cliente abra sua mensagem por achar que pode estar perdendo algo importante.

10 Tendências de Negócio para 2019

3. Diversifique o assunto

É fundamental que você elabore assuntos diferentes na hora de encaminhar cada newsletter. Procure sempre criar frases que demonstrem que o conteúdo é novo, e dê uma ideia do que ele se trata. Dessa forma, é mais provável que o cliente abra o e-mail para dar uma olhada nas novidades de sua empresa.

4. Utilize números

Você já se perguntou por que sites como o Buzzfeed têm tantos acessos? É que eles utilizam listas com um número determinado de tópicos para despertar a curiosidade do leitor. Esse é um recurso que sua empresa pode lançar mão. Outra vantagem é que informações em formato de números se sobressaem na caixa de entrada e são facilmente identificadas visualmente.

5. Personalize

Na hora de mandar um e-mail com a newsletter de sua empresa, a personalização do assunto é uma boa forma de demonstrar às pessoas que a mensagem é confiável. Quando é estabelecida uma conexão entre a marca e o cliente, é mais provável que ele abra o e-mail para dar uma olhada no conteúdo. Incluir o nome do destinatário no assunto é um exemplo disso.

6. Pergunte

Um macete para despertar a curiosidade das pessoas é fazer perguntas no assunto do e-mail. Além de destacar a mensagem na caixa de entrada pela pontuação diferente, é uma forma de engajar as pessoas. Essa estratégia estimula que o usuário busque a resposta para a questão, gerando o interesse em abrir o e-mail para descobrir.

Com essas dicas em mente, você poderá melhorar a sua próxima newsletter, aumentando o número de pessoas que lerão o conteúdo produzido. Lembre-se: para que as pessoas leiam as suas mensagens, é essencial prestar atenção ao assunto do e-mail.

Gostou da notícia?

Veja mais sobre
Internet
campo obrigátório

Cadastro efetuado com sucesso!

Em breve você receberá os melhores conteúdos para ajudar a gerenciar, expandir ou inovar o seu negócio